Skip to main content
Article
Os Perigosos Sábios do Sião II
As Artes entre as Letras (2012)
  • Paulo Ferreira da Cunha, Universidade do Porto
Abstract
Os momentos de aguda crise económica e social, como o que se vive e parece que se irá agravar, são propensos a populismos e demagogia de potenciais candidatos a ditadores, que aproveitam a falta de educação de que a democracia é responsável para manipularem as massas e as fazerem crer em bodes expiatórios. Ingenuamente, os preconceitos são reproduzidos em cadeia. Normalmente, há uma lista comum de "suspeitos do costume". Chega-se ao cúmulo de os que vêm a seguir na lista serem enganados ao ponto de culparem os que estão antes. A defesa da Democracia passa também pelo esclarecimento e pela defesa dos direitos de todos. De todos mesmo. Enquanto se apontam a dedo esses pretensos culpados pelos males do mundo, muito plausivelmente os verdadeiros culpados pela crise em concreto, nas suas diferentes componentes, escapam aos olhares sedentos de descarregar ódio e frustração dos povos ludibriados e em sérias dificuldades de sobrevivência.
Keywords
  • Anti-Modernidade,
  • Conspiração,
  • Teoria da Conspiração,
  • Protocolo dos Sábios do Sião,
  • Crise,
  • Crise em Portugal,
  • Democracia,
  • Discriminação,
  • Ditadura
Publication Date
April 11, 2012
Citation Information
Paulo Ferreira da Cunha. "Os Perigosos Sábios do Sião II" As Artes entre as Letras Iss. 72 (2012)
Available at: http://works.bepress.com/pfc/153/